Técnicos da PT, acompanhados de inspetores da Anacom e de agentes da GNR, estão a desmantelaram uma rede ilegal de telecomunicações que operava no Norte.

Em causa está um operador não licenciado, pirata, que distribuía televisão por cabo e Internet utilizando infra-estruturas de outros operadores de telecomunicações nos concelhos de Viseu, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva. Casas, cafés e outros estabelecimentos públicos dos concelhos de Vila Nova de Paiva, Viseu e Moimenta da Beira adquiriam o serviço de comunicações mediante o qual pagavam 15 euros só pelo serviço de Internet acrescido de 10 euros para a televisão por cabo cujo serviço incluía os canais pagos. Porém, não havia contratos nem faturas. Serão centenas os clientes deste operador, pirata, que, como Maria Alice, ficaram surpreendidos com a ação das autoridades.

O sinal era distribuído através de fibra ótica e de uma rede sem fios. A denúncia terá partido da própria Portugal Telecom, o operador que detém a concessão do serviço público telefónico cujos técnicos se terão apercebido da distribuição do sinal de comunicações. Os técnicos e agentes da GNR estão a seguir o cabo de fibra óptica e depois, com mandatos judiciais, procedem à apreensão de routers e descodificadores, os equipamentos que permitiam receber o sinal de comunicações. O proprietário da rede foi detido, pela GNR, para averiguações.

A PT não presta esclarecimento porque a operação está a ser dirigida pela Autoridade Nacional de Telecomunicações que adiou esclarecimentos para mais tarde.

Fonte: TSF

Categorias: ,

Sem comentários:

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários