A SP Televisão, produtora das novelas da SIC e de algumas séries da RTP, está a exportar várias das suas produções para a Europa, Ásia e América Central, na linha do que tem acontecido com a sua principal concorrente, a Plural, produtora da TVI.

A série "Cidade Despida", protagonizada por Catarina Furtado e exibida na RTP em 2010, foi vendida para Singapura e para a Malásia. O mesmo aconteceu com a luso-angolana "Voo Directo", emitida pela estação pública no mesmo ano. Já a novela juvenil "Lua Vermelha", da SIC, foi vendida para o México e para várias regiões com forte predominância da língua castelhana, como Miami, nos EUA.

Além destas vendas, a SP Televisão estabeleceu ainda um acordo com uma produtora turco-holandesa para a venda dos seus produtos de ficção no mercado europeu. "Até ao momento, a exibição dos nossos produtos na Europa ainda não se concretizou, mas a perspetiva é de que isso aconteça em breve", explica José Amaral, diretor de planeamento da empresa. A produtora está ainda em negociação com países europeus, como a França, para a venda da série "Pai à Força", e com vários países do Médio Oriente, como o Líbano, para a comercialização de "Voo Directo", ambas da RTP.

António Parente frisa que "o facto de a SP ter ganho o Emmy com "Laços de Sangue" trouxe contactos e facilitou algumas vendas internacionais". O administrador da produtora realça a importância que a exportação de conteúdos tem tido para as maiores produtoras nacionais, mas diz, também, "lutar para que canais estrangeiros possam vir produzir em Portugal".

Fonte: CM

Categorias: , ,

Sem comentários:

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários