A presidente da Assembleia da República, Assunção Esteves, quer que o Canal Parlamento (AR TV) comece a emitir em sinal aberto na Televisão Digital Terrestre (TDT) a 25 de Abril.

A informação saiu da conferência de líderes de 27 de Março e o gabinete de Assunção Esteves confirma que "é desejo da presidente, com o apoio dos deputados de todos os grupos parlamentares, que o canal vá para o ar numa data simbólica". Contudo, o processo pode não ser tão rápido, devido a "problemas de enquadramento jurídico em colocar o Canal Parlamento na TDT", segundo advertência da ERC. Assunção Esteves considera que caso seja necessário alterar a Lei da Televisão, os grupos parlamentares devem tomar "as iniciativas necessárias". No entanto, uma vez que o Canal Parlamento goza de um estatuto especial, pode não ser necessário.

Independentemente da data de estreia na TDT, o AR TV vai ser alvo de uma reformulação. Os deputados de todos os grupos parlamentares propõem aumentar a oferta de conteúdos, bem como alargar as emissões em direto. Entre as propostas destacam-se espaços de debate, peças biográficas dos deputados, sessões parlamentares das ilhas, entre outras.

"Temos todas as condições técnicas para darmos o salto para a TDT e com mais conteúdos", diz ao Nuno Encarnação (CDS), presidente do conselho de direção do canal, que conta ainda com dois vice-presidentes, Inês de Medeiros (PS) e Bruno Dias (PCP).

Fonte: CM

Sem comentários:

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários