"Canal 10" é o nome escolhido para o regresso à televisão de José Eduardo Moniz. O antigo director-geral da TVI e actual vice presidente da Ongoing Media assume a direcção da estação, um projecto comum da Ongoing, Cofina e ZON e que já conta com autorização da Entidade Reguladora para a Comunicação Social para o arranque de emissões.

O projecto foi apresentado em Junho, como um canal para exibir o reality show "uMan". A estreia estava prevista para Setembro, mas em Agosto a Ongoing anunciou que o arranque ficaria adiado para 2012, devido à "degradação da situação económica" nacional. Agora, os interessados têm doze meses para lançar o novo canal.

De acordo com a deliberação, o canal será emitido sem assinatura e tem como "objectivo a difusão de conteúdos de entretenimento, num modelo baseado na maior intervenção e protagonismo dos telespectadores", com uma "emissão contínua de, pelo menos, 18 horas por dia".

A deliberação da ERC acrescenta ainda que "o primeiro formato a emitir pelo Canal 10 é o projecto 'uMan'", o que abre a porta para que a estação exiba outros conteúdos.

Contactado, José Eduardo Moniz optou por não fazer qualquer tipo de comentário, referindo que ainda é cedo para tal. Também a ZON, operadora que vai distribuir o Canal 10, a Cofina, um dos investidores no projecto, e a Ongoing, que adquiriu o formato de "uMan" para Portugal, optaram por não comentar a deliberação da ERC.

Fonte: CM

Categorias: , ,

2 comentários:

  1. QUE FALTA DE ORIGINALIDADE... CANAL 10???? NÃO AUGURO NADA DE BOM PRÓ CANAL, ACHO QUE FECHARÁ TÃO RAPIDAMENTE COMO APARECEU...

    ResponderEliminar
  2. Se é um reality-show, tem de chegar até ao fim -.-' A Ongoing tem dinheiro suficiente.....

    ResponderEliminar

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários