Martinho Tojo, director comercial da Cabovisão, criticou hoje a existência de "estratégias comerciais menos éticas" para a captação dos clientes da empresa.

O gestor respondia desta forma à questão sobre se a Cabovisão estaria à procura de comprador. Martinho Tojo referiu que esses rumores existem desde que assumiu a liderança da empresa, há dois anos, e que muitas vezes são usadas "estratégias comerciais menos claras" para a angariação de clientes, referindo aos clientes da Cabovisão que a empresa vai fechar ou ser vendida. Admitiu, contudo, que a opção poderá estar em cima da mesa dos accionistas da empresa.

Instado a desenvolver este tema, Martinho Tojo respondeu apenas que "quando aparece um novo operador num mercado com operação semelhante a uma já existente é natural que haja desestabilização de clientes, mas podemos fazê-lo de forma positiva ou negativa".

Fonte: Diário Económico

Categorias:

Sem comentários:

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários