Se o serviço digital da Cabovisão não tem aumentado o seu número canais, o serviço de televisão analógica por seu lado, continua a tendência de redução de canais oferecidos.

Deste vez, a baixa na grelha analógica foi o Rai 1, presente no serviço digital, que segue o caminho recente do M6 e Sky News. Nos últimos dois anos e meio, o serviço perdeu 13% dos seus canais, e conta agora, com um total de quarenta canais. Apesar destes cortes, a operadora de cabo continua a disponibilizar, em duas frequências distintas, o seu canal de promoção de serviços, canal V!.

Por: Grelha TV

3 comentários:

  1. é verdade que eles estão à rasca com falta de largura de banda?

    ResponderEliminar
  2. Como operador de cabo, basta-lhes acrescentar uma portadora para terem mais largura de banda. O problema será se as portadoras já estão a ser usadas para internet. Nesse caso têm que dividir células, operação normal (embora dispendiosa) neste tipo de redes.

    ResponderEliminar
  3. Devem ter falta de largura de banda, pois quando eliminam algum canal, como foi recentemente o caso da RAI 1, há uma relativa melhoria dos outros canais. Só não se compreende porque é que estão a gastar largura de banda com o canal V!, emitindo-o em duas posições distintas. Será que não dão conta desse desperdicio?

    ResponderEliminar

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários