Na apresentação dos resultados do primeiro semestre da PT, foram também revelados alguns desenvolvimentos que afectarão os serviços residenciais da operadora.

Relativamente aos resultados apresentados, no mercado nacional, as receitas a diminuíram 7,6% nos primeiros seis meses do ano, face ao primeiro semestre de 2010. Na rede fixa, as receitas operacionais registaram uma quebra de 5,5% para 917,4 milhões de euros, enquanto no segmento móvel, a TMN viu as receitas operacionais decrescerem 11,6% para 609,7 milhões, o que, segundo a operadora, “reflecte as condições económicas adversas, incluindo o aumento do IVA, juntamente com o aumento da popularidade dos planos tribais.

Já quanto às novidades nas comunicações fixas, o presidente da PT, Zeinal Bava, diz que o MEO ultrapassará o 1 milhão de clientes, "a caminho da liderança na televisão paga, o que também influenciará a performance no fixo".

Se no número de clientes, Zeinal Bava garante o reforço, no investimento em fibra óptica o cenário é o oposto, uma vez que, o plano de investimento em fibra está concluído, e atinge um total de 1,6 milhões de lares. "Não vamos investir mais a não ser que a regulação mude", garantiu o presidente da PT.

Por: Grelha TV com: Negócios e Económico

Categorias:

3 comentários:

  1. umQualquer01/09/11, 18:05

    na tdt niguem fala

    ResponderEliminar
  2. Duvido um bocado que parem expansão, tendo em conta, que falta cobrir muitas zonas importantes.

    ResponderEliminar
  3. se não investir desactivo o serviço

    ResponderEliminar

MEO
NOS
TDT
Comentários
Comentários